Noivado Muçulmano

Inspirando / Noivado / Preparativos

Noivado muçulmano

Depois de uma gostosa tarde com as mulheres da comunidade muçulmana de Petrópolis, aprendi coisas lindas sobre o período de preparação para o casamento nessa religião que prega “O amor para todos”.

O noivado para os muçulmanos é sinal de felicidade e do amor divino! Sempre preocupados com seus filhos e com a felicidade destes, as famílias conduzem os jovens para seguirem os preceitos da religião e das tradições, a começar pela escolha do noivo e da noiva: os homens muçulmanos também podem se casar com mulheres cristãs e judias (religiões monoteístas e que possuem um Livro Sagrado), porém a mulher só poderá se casar com um muçulmano ou se o seu pretendente se converter ao islamismo.

Assim como essa, existem outras condições (Nikáh) para que um casal possa concretizar o noivado: Por mais que em algumas famílias ainda haja a tradição de os pais escolherem os noivos para seus filhos, estes devem aceitar seus noivos de livre e espontânea vontade, serem adultos e estarem de posse de suas faculdades mentais. A noiva, com sua família e um tutor, estipula o dote: um valor financeiro, estipulado em contrato, que deverá receber do noivo quando se casarem (como símbolo da sinceridade e dedicação do noivo), que será desfrutado pela noiva e que poderá ser uma quantia em dinheiro ou em bens, num valor adequado – nem muito caro, para que o noivo não consiga pagá-lo, e nem muito barato, para que o noivo possa se empenhar em reunir o valor, num gesto de valorização da mulher amada. E ela deve ser solteira, sem nunca antes ter tido qualquer relacionamento semelhante a vida conjugal.

Nem sempre a noiva está presente quando o contrato de noivado, que estipula o dote, é firmado. Para isso ela escolhe um tutor, seguindo as leis muçulmanas

            Uma curiosidade: muçulmanos não namoram! Vemos abaixo as tradições que cercam o período anterior ao noivado, que para os ocidentais seria o namoro, para os muçulmanos é um diálogo entre as famílias.

Tradições do noivado

  • Normalmente, é a família do noivo que procura uma noiva que considere adequada ao noivo.
  • A oferta do casamento é feita pelo pai da noiva, ou pelo seu guardião. Segue-se uma aceitação feita pelo noivo, na presença de duas testemunhas muçulmanas. A noiva tem direito a receber a quantia referente ao contrato e fazer dela o que bem entender. O valor recebido poderá ser em dinheiro ou em gêneros, e deverá ser especificada antes do noivo a dar à noiva.

A cerimônia do noivado

O noivado é realizado em cerimônia, com trajes, decoração e buffet de festa. É tradição a família do noivo oferecer o traje que a noiva usará. Durante a cerimônia (Mangni), a noiva só poderá estar na presença do noivo se seu pai ou irmão também estejam. Nesta cerimônia é realizada a troca de anéis e sela-se o compromisso para o casamento.

Agradecimento à Associação Ahmadia do Islã no Brasil

Fontes: ibeipr.com.br e onossocasamento.pt.